Ouçam o novo EP dos BOX 2 BOX

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Do ovo se fez gente.

René Magritte – Clarividência 




Hoje em dia colhemos os frutos de um certo "psicologismo" que infantilizou e ainda resiste a infantilizar, as nossas crianças e jovens.

Não digo que esta corrente de pensamento tenha obtido o apoio de toda a classe de psicólogos, aliás verifico cada vez mais que a unanimidade em relação a isso é inexistente, pelo menos entre os que conheço.

Em que consiste afinal esta infantilização das crianças? Consiste num apoio desproporcionado a todo tipo de lacuna que estas revelem, não deixando a mesma respirar, vencendo por si o espaço que permeia a formulação do micro-desafio e respectiva resolução.

Isto gera seres com pouca paciência ou capacidade de concentração, baixa auto-estima, intolerância à mínima dor ou fracasso, em suma, estamos a criar futuros clientes de um qualquer consultório especialista em doenças do foro mental.

Não me parece assim uma boa estratégia de desenvolvimento humano. Este assunto merece certamente uma formulação e debate mais profundo, sendo algo que me preocupa e com que me deparo diariamente como cidadão, pai e professor.


© Manuel Tavares 19/02/2013

Sem comentários:

Enviar um comentário