Ouçam o novo EP dos BOX 2 BOX

domingo, 21 de outubro de 2012

"Almonauta"











Adormeci de tarde...
Quando acordo
Choque frontal com o atraso!
Num rompante
Saio estremunhado,
A rua
Os sons
As cores e as gentes,
Assaltam num repente
Sentidos desarmados
Daquele que agora sente.
Aqui e ali,
Tropeço deslumbrado
Enquanto...insidiosas
Descem as teias
Que nos tolhem os braços
Do eu que nos protege
Do eu que empobrece.

  
© Manuel Tavares (algures em 2011)

Sem comentários:

Enviar um comentário